Polícia Civil prende pai de vereador por acusação de homicídio

Empresrio

Carlos Alberto Correia Basílio (Foto: ASCOM/PC)

 

Após quase 20 anos da prática do crime, policiais civis da Gerência de Polícia Judiciária da Área 2 (GPJ2), comandados pelo delegado Carlos Reis, prenderam na manhã desta terça-feira (1), o empresário Carlos Alberto Correia Basílio, de 46 anos, conhecido como “Carlinho”, pai do vereador Lucas de Macarrão, do município de União dos Palmares.

Carlos Basílio é acusado de homicídio, ocorrido em 29 de dezembro de 1995, quando matou a tiros Antônio da Silva Evangelista, no estado de São Paulo. Ele alega que se sentia ameaçado pela vítima, e após o crime fugiu para Alagoas.

O empresário foi detido em um povoado Rocha Cavalcante, há cerca de 8 quilômetros do centro urbano daquela cidade, onde residia.

De acordo com o delegado Carlos Reis, faltavam menos de 30 dias para que o crime prescrevesse, ou seja, que o acusado não pudesse mais ser preso e responder pelo fato criminoso.

O mandado de prisão foi expedido pela Central do Júri da Capital – São Paulo.

O pai do vereador deve ser transferido para a capital paulista, onde deverá ser julgado pelo assassinato praticado.

Ascom/PC