Comunidade indígena é atacada em e dezenas ficam feridos

Cinco índios foram transferidos nesta segunda-feira para o Socorrão II.

Uma aldeia indígena na cidade de Viana (MA), a 220 km de São Luís, foi atacada nesse domingo (30) e dezenas de índios ficaram feridos, de acordo com o Cimi (Conselho Indigenista Missionário). O ataque foi realizado no povoado de Bahias e teria sido praticado por disputas territoriais.

Na manhã desta segunda-feira (1º), cinco feridos foram transferidos em estado grave para o Hospital Socorrão II, na capital maranhense. Um deles teve as duas mãos decepadas, de acordo com o hospital, informa o G1.

Dos cinco índios que foram transferidos, três foram identificados. Estão em atendimento no Socorrão II os indígenas Inaldo Cerejo, Francisco Jansen e Alderi de Jesus Ribeiro. O hospital não divulgou qual destes teve as mãos decepadas e também não detalhou quais seriam os ferimentos dos outros índios.

Em nota, a Secretaria de Estado da Segurança Pública informou que já instaurou inquérito para investigar o caso, enviou reforço policial para a região e que o conflito já foi contido.

01/05/2017